Pessoas que se encontram em momento de apuros financeiros, podem recorrer a empréstimos de crédito para solucionar pendências. Existem diversas linhas disponíveis no mercado e que demandam condições diferentes para que a contratação do crédito seja realizada com sucesso.

Uma das linhas mais populares é o Empréstimo Consignado, produto também disponível na Vupt Consignado. Exclusivo para servidores públicos (SIAPE), aposentados e pensionistas do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social), ele demanda a análise da margem consignável para a liberação da quantia solicitada, por isso o tomador precisa ficar atento a ela.

Mas, antes de apresentarmos maiores detalhes, vamos por partes para que você tenha completa noção sobre o que se trata a margem e qual a sua importância para a aquisição de dinheiro. Continue lendo:

O QUE É CRÉDITO CONSIGNADO?

De maneira resumida, o termo “consignado” refere-se a um débito reconhecido pelo credor e seu devedor, e que o processo de pagamento foi acordado perante supervisão da lei. Em relação ao “crédito consignado”, busca favorecer ambos os envolvidos na transação do dinheiro.

Em outras palavras, o crédito consignado é uma modalidade de empréstimo onde as parcelas são descontadas mensalmente do salário, pensão ou do benefício do contratante. Ou seja, garantindo que todo mês uma parte do parcelamento seja paga sem falta, evitando inadimplências.

Entre outros benefícios estão a praticidade e a agilidade na liberação do crédito, como também soluções personalizadas, descomplicadas e as taxas de juros mais baixas do mercado. Além da facilidade da contratação digital, então você não precisa sair de casa.

Mas onde a Margem Consignável se encaixa em tudo isso? Simples, é ela que define o quanto de dinheiro que você pode pedir ao branco!

COMO FUNCIONA A MARGEM CONSIGNÁVEL?

A margem consignável é o que define o valor máximo da renda do trabalhador, pensionista ou aposentado que pode ser comprometida com o empréstimo de crédito consignado. É o valor que será descontado diretamente na folha de pagamento, pensão ou no benefício quando a data de pagamento da parcela chega.

Após a aprovação do aumento da margem em 5%, atualmente e até o dia 31 de dezembro de 2021, a margem equivale a 40% da renda liquida mensal do contratante. Deste número, 5% podem ser usados exclusivamente para operações com o cartão de crédito consignado – um serviço especial para os tomadores desta modalidade de crédito. Em relação aos outros 35% restantes, podem ser usados para firmar contratos de empréstimo consignado.

Antes da lei e se ela não for mantida, a partir de janeiro de 2022, novos contratos de crédito consignado voltarão a constar apenas uma margem de 35%, sendo 5% para o cartão.

O principal objetivo da margem é evitar que o individuo caia em superendividamento, já que, mesmo que sejam contratados vários empréstimos, outra grande parcela da renda fica protegida para ser usada com gastos essenciais. O aumento dela só ocorreu para facilitar a administração das finanças em tempos de crise.

Quando nem toda a margem é comprometida em um empréstimo, ela é considerada livre para novas contratações quando forem necessárias.

COMO USAR A MINHA MARGEM CONSIGNÁVEL LIVRE?

A Vupt Consignado pode ajudar você a aproveitar da melhor maneira a sua margem consignável livre. Assim, você pode administrar melhor a sua vida financeira, sobreviver a períodos de crise e conquistar os recursos que tanto precisa.

Oferecemos diferentes propostas de empréstimo para você analisar, graças a nossa parceria com as melhores instituições financeiras do país. Faça uma simulação agora mesmo e converse com o nosso atendimento consultivo.

Para mais informações, acesse o blog da Vupt.